25 de julho de 2016

“Deixe-me ser uma mulher”


Let me be a woman: Deixe-me ser uma mulher. Esse é o título de um dos livros de Elisabeth Elliot, escrito em 1976, com o qual ela presenteou Valerie, sua única filha, no dia do seu casamento. Eu não conheço o livro na íntegra, apenas algumas partes, mas o suficiente para ficar encantada com os ensinamentos em defesa da feminilidade bíblica e o incentivo a buscar ser uma mulher, conforme foi intencionado por Deus aos nos criar. Com a frase “Deixe-me ser uma mulher”, Elisabeth se opõe ao Igualitarismo que é defendido pelo Feminismo Evangélico.

Em uma parte do livro, nossa amada missionária que há pouco mais de um ano atravessou os “Portais do Esplendor”, questiona como seria o nosso mundo se Eva tivesse se contentado em ser o que ela foi criada para ser – Uma mulher.

A citação é mais ou menos assim:

"Que tipo de mundo seria o nosso, se Eva tivesse recusado a oferta da serpente? Se tivesse dito-lhe: "Deixe-me não ser como Deus. Deixe-me ser o que fui feita para ser. Deixe-me ser uma mulher.”’

Quando li essa citação, fiquei pensando em todas as ofertas que a serpente continua a nos fazer. Ela sugere que nós podemos e devemos ser tudo, menos aquilo que Deus nos criou para ser. Às vezes ela sussurra outras, no entanto, grita com agressividade:

“Seja o que você quiser ser!”

“Quem manda na sua vida é você!”

“Seu corpo, sua regras!”

“Siga seu coração!”

Quem de nós, nunca ouviu essas frases tão sedutoras?

Entretanto, quais respostas temos dado a elas?

Não sejamos como Eva, pois a Bíblia nos mostra a tragédia que seguiu-se à tolice que ela cometeu em dialogar e aceitar a oferta de ser “independente” de Deus. Precisamos dar respostas teocêntricas a essas ofertas antropocêntricas. Por isso, quando a ética social vigente – o feminismo, nos pressionar dizendo:

“Seja o que você quiser ser!”, digamos: Jesus disse: “Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me” (Mateus 16:24).

“Quem manda na sua vida é você!”, repliquemos: "Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim.” (Gálatas 2:20)

“Seu corpo, suas regras!”, que distância do que a Bíblia ensina: “Não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus. (1 Coríntios 6:19,20)

“Siga seu o coração!”: “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o poderá conhecer?” (Jeremias 17:9).

Devemos seguir a Palavra de Deus, não o nosso coração: “Ganho entendimento por meio dos teus preceitos; por isso odeio todo caminho de falsidade. A tua palavra é lâmpada que ilumina os meus passos e luz que clareia o meu caminho” (Salmo 119:104,105).

Eu já decidi! Quero ser uma mulher segundo o padrão do meu Deus. Então, parem de me importunar com essa história de feminismo, pois eu já fiz minha escolha.

Deixe-me ser feminina;

Deixe-me não ser como os homens;

Deixe-me ser o que fui criada para ser;

Deixe-me ser uma mulher segundo o que isso significa para Deus.


Sonaly Soares

44 comentários:

  1. Aleluia!!! Deixe-me ser uma mulher segundo o que isso significa para Deus. Deixe-me viver para Glória de Deus!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém Nsauise!

      O Senhor nos dará graça para isso.

      Um abraço.

      Excluir
  2. Maravilhoso ! Aprendendo a cada dia Amo esse blog ! <3 Glória a Deus por isso .

    ResponderExcluir
  3. Q lindo.. Aleluia!!!!
    fomos criadas para ser feminina; não ser como os homens; ser o que fomos criadas para ser; ser uma mulher segundo o que isso significa para Deus.

    ResponderExcluir
  4. Q lindo.. Aleluia!!!!
    fomos criadas para ser feminina; não ser como os homens; ser o que fomos criadas para ser; ser uma mulher segundo o que isso significa para Deus.

    ResponderExcluir
  5. Que reflexão maravilhosa! Ensino e ânimo nessas palavras. Deus nos ajude a nos posicionar de forma coerente com a sua palavra e vontade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Glória a Deus pelo encorajamento ministrado a você, Jéssica.

      Deus te abençoe. Um abraço.

      Excluir
  6. Deixe me ser segundo o coração do Pai!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém, Adriana!

      O Senhor nos dará graça para isso, busquemos sempre Sua vontade.

      Deus te abençoe. Um abraço.

      Excluir
  7. Muito bomn! Adorei o blog. E a escritora deste livro tbm. :D

    ResponderExcluir
  8. Mas poderia deixar a gente copiar partes do texto, pra divulgar.

    ResponderExcluir
  9. Glória a Deus pela revelação do Senhor em dias tão obscuros!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Maria!

      O Senhor tem iluminado as trevas dos nossos dias com a Revelação de Sua Palavra. Glória a Ele por isso.

      Deus te abençoe. Um abraço!

      Excluir
  10. Texto lindo para a Glória de Deus, parabéns!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Obrigada. Que o Senhor te abençoe.

      Um abraço!

      Excluir
  11. O texto exprime claramente o que sinto quando leio "seja você mesma , você tem só esta vida ,realice tudo o que quiser para não se arrepender amanhá"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gaby!

      Te entendo. Sejamos, então, o que fomos criadas para ser: Mulheres de Deus!

      Deus te abençoe. Um abraço!

      Excluir
  12. Admiro muito o blog e seus conteúdos. Não consigo, infelizmente, compartilhar nenhum texto de vocês, aqui diretamente ou nas postagens do Facebook. Acho que o que vocês escrevem precisa ser mais divulgado como contraponto do feminismo marxista radical de nossos dias, que tem enganado até muitas jovens cristãs sinceras e dedicadas ao Senhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Luciano!

      Estaremos vendo essa questão, de qualquer modo agradecemos a sugestão.

      Deus te abençoe.

      Excluir
  13. Que lindooooooooooooo!
    Fabuloso meninas! Amo esse blog, parabéns!
    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rúbia, agradecemos o carinho e ficamos felizes por saber de sua edificação.

      Deus te abençoe. Um abraço!

      Excluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  15. Gostei bastante do texto, só sugiro não tratar o feminismo de modo generalizado, como se fosse uma única vertente radical. Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Suzana!

      Agradecemos. Mas entendemos que nenhuma vertente do feminismo está de acordo com a Palavra de Deus, nem mesmo o chamado "feminismo evangélico".

      Excluir
    2. Vejo muita gente cristã abraçando a causa do feminismo como se esse defendesse a mulher. Muitas meninas entram na faculdade e como muitos de leituras prontas que convencem as massas aceitam como via de regra. Não há vertente suave do feminismo ele é contrário ao objetivo de Deus ao criar a mulher. Ele é rebelião contra Deus. É bom ler sobre a criação do feminismo quem estabeleceu os fundamentos deste. Sempre bom ler.

      Excluir
  16. Amém, tenho 16 anos e conforme o tempo passa mais me deparo com esse tipo de afirmação feminista, parece que ser mulher é ser menor, e não é, e pra provar isso não preciso me tornar igual aos homens, Deus nos criou diferentes precisamos dar valor a isso. Obrigada, seu texto me edificou grandemente!

    ResponderExcluir
  17. Olá Teologia e feminilidade!
    Essa reflexao tem algum outro estudo que dê continuidade?
    Achei muito pertinente para ser estudado e pela riqueza, acho que precisa aprofundar. O que acham?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, André!

      Não tem outro estudo, mas esse é um assunto que estaremos sempre tentando abordar. Aguarde que mais textos virão.

      Um abraço.

      Excluir
  18. Amém!Belíssimo texto. Parabéns amadas irmãs, a nós mulheres que carregam a essência de Cristo. Seja Ele glorificado em nós.
    Sempre acompanhando teologia e feminilidade!;) Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém, Kelly!

      E obrigada por acompanhar o blog, fazemos tudo com muito carinho para a glória do Senhor Jesus e a edificação de todas vocês.

      Um abraço!

      Excluir
  19. Respostas
    1. Glória a Deus Leyla!

      Busquemos em Deus a restauração de nossa feminilidade, para que possamos glorificá-lo como mulheres que fomos criadas por Ele e para Ele.

      Um abraço!

      Excluir
  20. MARAVILHOSO ARTIGO. MUITO PROPÍCIO A ESSE TEMPO TÃO AFETADO PELO FEMINISMO QUE VIVEMOS! PARABÉNS AO BLOG E A TODAS AS MULHERES QUE CONTRIBUEM PARA A MANUTENÇÃO DO MESMO. COMO PODEMOS COLABORAR? PODEMOS TENTAR ESCREVER ARTIGOS QUE ESTEJAM TAMBÉM SUJEITOS À APROVAÇÃO?
    BOM DIA!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Ana Cláudia!

      Obrigada pelas palavras amigáveis! No momento, não trabalhamos com isso, mas agradecemos pela prontidão em ajudar.

      Deus te abençoe!

      Excluir